Apucarana ganha Casa da Indústria

Apucarana recebeu, durante as comemorações da Semana da Indústria - em maio -, a Casa da Indústria, que vai reunir sindicatos filiados à Fiep na cidade. Este é um espaço compartilhado, cujo objetivo é estimular a representatividade dos sindicatos, o fortalecimento e o desenvolvimento das indústrias paranaenses.A inauguração do local contou com a presença do presidente da Fiep, Edson Campagnolo.

A Casa da Indústria vai abrigar inicialmente o SAMISCA e o SINDIMETAL Apucarana. Para os sindicatos, a iniciativa significa mais visibilidade nas suas categorias, estímulo ao empreendedorismo e crescimento da indústria local.

Na ocasião, Campagnolo afirmou que Apucarana é a capital da indústria no Paraná e cumprimentou os presidentes e colaboradores dos dois sindicatos que irão ocupar o espaço neste primeiro momento. “Por que casa? Porque casa é o local que abriga família, é lugar de intimidade. E, nesse momento de crise econômica, precisamos de união. Conectados somos mais fortes. A Casa da Indústria é um lugar de apoio e o endereço passa a ser também a casa dos sindicatos e industriais de todo o Paraná, que poderão usar o espaço para fazer reuniões quando estiverem em Apucarana”, enfatizou.

A gerente da Central de Relacionamento com Sindicatos e Coordenadorias 

Regionais da Fiep, Maria Aparecida Santos Lopes, conta que a Confederação Nacional da Indústria (CNI) já adota o conceito da Casa da Indústria, que vem sendo incorporado também no Paraná. “A Casa da Indústria será um espaço de representação da Fiep no interior do estado. A entidade vem trabalhando para agregar os sindicatos em forma de condomínios. O local serve de apoio para todos os industriais, que poderão encontrar na Casa da Indústria informações sobre o setor”, disse.

Ela acrescenta que a organização das Casas da Indústria - já instaladas em Londrina, Cascavel, Ponta Grossa e agora em Apucarana - foi um pedido do presidente da Fiep. “Todos os sindicatos têm privacidade no local, mas também podem aproveitar os momentos coletivos durante as palestras que serão promovidas no espaço, ou na sala de reuniões”.

Na opinião do presidente do SINDIMETAL Apucarana, José Carlos Bittencourt, a Casa da Indústria é uma conquista para os quatro sindicatos da Fiep de Apucarana. “Foi uma promessa de campanha do Campagnolo, focada na interiorização da entidade, que está se concretizando. O espaço irá congregar as indústrias e é de todos vocês. A unidade irá melhorar a prestação de serviços em todos os sindicatos e todos os industriais da cidade sairão ganhando”, frisou.

O presidente do SAMISCA, Sérgio Biazze, também elogiou a iniciativa. “Estamos muito felizes. Não será uma mudança apenas de espaço físico, mas principalmente na postura, no melhor atendimento dos associados e em relação à diretoria do sindicato. Agora temos um espaço mais apropriado para receber os associados e as pessoas de toda a comunidade”, disse. Biazze também agradeceu a Fiep e a gerente da unidade do Sesi de Apucarana Márcia Aparecida Kulka, que cedeu espaço na entidade para o escritório dos sindicatos durante bastante tempo.

SINDIMETAL Apucarana

O SINDIMETAL Apucarana foi fundado em 6 de março de 1985 e representa os interesses gerais da categoria, além das necessidades individuais dos associados. O sindicato reúne aproximadamente 500 indústrias em sua base territorial, representada por 26 municípios, entre Londrina, Maringá e Vale do Ivaí.

O sindicato tem como objetivo fazer com que a voz da indústria tenha força e poder de influência. Por isso, trabalha para propiciar um ambiente favorável aos negócios e promover o desenvolvimento sustentável.

Galeria de Imagem